flagra_maserati_levante_4Um comboio de segredos internacionais, que não foram lançados nem na Europa ainda, foi flagrado com exclusividade. Assim começou a sexta-feira da equipe de reportagem do Autos Segredos, que fotografou os inéditos SUV Levante, da Maserati, Alfa Romeo MiTo reestilizado, Fiat 500 Abarth reestilizado, Tipo com carrocerias hatch e perua (essa última ganhou um post só pra ela) e a picape Fullback, fruto de uma parceria com a marca japonesa Mitsubishi. Apesar de serem testados pelas equipes da FCA brasileira, o foco de todos eles é o mercado internacional, e não o local.

#JuntosPeloMatheus   –  O Autos Segredos convida seus leitores a ajudar o Matheus   –    

flagra_maserati_levante_13

Maserati Levante

O Levante marcará a entrada da Maserati no segmento dos SUVs de alto luxo. A expectativa é de que o modelo seja mostrado ao público já em março deste ano, durante o salão do automóvel de Genebra. Já as vendas no continente europeu devem ser iniciadas no segundo semestre.

Apesar de ser um SUV, o Levante promete muita esportividade, que deverá ser garantida pelo uso de um propulsor V6 3.0 biturbo, que rende até 410 cv, herdado do sedã Ghibli. É possível que a Maserati também ofereça uma versão com o V8 3.8 biturbo do Quattroporte, com 530 cv. A transmissão provavelmente será composta por um câmbio automático de oito velocidades e tração integral.

flagra_maserati_levante_6O Levante é uma peça chave para que a Maserati cumpra a meta de aumentar suas vendas mundiais para 70 mil unidades ao ano até 2018. O principal rival é o bem-sucedido Porsche Cayenne, que já está na segunda geração.

flagra_fiat_tipo_hatch_5

Fiat Tipo

Não é a primeira vez que o novo hatch médio é flagrado pelo Autos Segredos: em julho de 2015, publicamos um flagra exclusivo de uma mula de testes do modelo sendo testado no Sul da Itália. Agora, flagramos no Brasil o Tipo hatch em testes de durabilidade. Porém, é a primeira vez que o modelo, que ainda não foi lançado, é flagrado com camuflagem mais leve.

O Tipo Hatch será construído sobre a plataforma Small US Wide , utilizada por 500L, 500X e Jeep Renegade. Ele terá quatro opções de motores, sendo duas diesel e duas a gasolina, com potências entre 95 cv e 120 cv. Os motores poderão vir associados a um câmbio manual de cinco velocidades ou a um automático de seis marchas.

flagra_fiat_tipo_hatch_13O hatch terá bons itens de tecnologia e conectividade, como o sistema multimídia UConnect com tela de cinco polegadas sensível ao toque. O equipamento inclui sistema de som, Bluetooth, câmera de ré, navegador e sistema de atualização da TomTom.

A família Tipo será composta por um sedã já revelado, que atende pelo nome de Egea em alguns mercados, pelo hatch flagrado e pela perua flagrados pelo Autos Segredos. Nenhum deles será vendido no Brasil: não por acaso, as unidades fotografadas estavam no meio do comboio formado por veículos destinados a outros mercados.

flagra_fiat_500_abarth_reestilizado

Fiat 500 Abarth

A Fiat aplicou uma reestilização no Fiat 500 europeu há alguns meses. Agora, será a vez de a versão esportiva Abarth receber a atualização visual. Assim como nas demais configurações, as mudanças serão discretas, e incluirão um painel com central multimídia.

[photomosaic]

A parte mecânica não sofrerá mudanças significativas, e continuará sendo composta pelo motor 1.4 multiair turbo e pelo câmbio manual de cinco velocidades.

flagra_fiat_500_abarth_reestilizado_2Como a linha 500 vendida no Brasil é importada do México, o Abarth irá manter o visual atual por aqui durante mais algum tempo. Ainda não há previsão para os modelos mexicanos serem reestilizados.

flagra_fiat_fullback_4Fiat Fullback

Apresentada no Salão de Dubai de 2015, a picape Fullback é fruto de uma parceria da Fiat com a Mitsubishi. Trata-se de um clone da nova geração da Mitsubishi L200. Basicamente, as únicas diferenças em relação à versão japonesa são a grade com filetes contínuos na dianteira, rodas e acessórios exclusivos nas laterais e na traseira somente o emblema da Fiat.

flagra_fiat_fullback_2A Fullback é equipada com motor 2.4 turbodiesel, com potência entre 150 cv e 180 cv. O modelo pode contar os câmbios manual de seis velocidades e automático de cinco velocidades. A tração pode ser a 4×4 com opção de reduzida e 4×2. A unidade testada no Brasil é a top de linha.

flagra_alfa_romeo_mito_reestilizado_1

Alfa Romeo MiTo

O MiTo já contabiliza quase uma década de estrada, uma vez que o lançamento ocorreu no já longínquo ano de 2008. Para mantê-lo vivo por mais algum tempo, a Alfa Romeo prepara um face-lift para seu hatch compacto. As novidades devem ser apresentadas ainda neste ano, com o lançamento da linha 2017.

flagra_alfa_romeo_mito_reestilizadoAs mudanças, que serão cosméticas e superficiais, se concentrarão na dianteira. É provável que o MiTo ganhe alguns dos traços do sedã Giulia, último lançamento da Alfa Romeo.

Não é de hoje que a Alfa Romeo ensaia um retorno ao Brasil. Todavia, essa situação continua indefinida: ainda não há data para a volta dos modelos da marca ao país.

Fotos | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos