Resolução CONTRAN nº 518/2015 poderá retirar de linha 13 modelos se fabricantes não instalarem cinto de três pontos e apoio de cabeça para o assento central traseiro
Cinto de segurança
Foto | Montagem

A partir do dia 1º de janeiro de 2020, a Resolução CONTRAN nº 518/2015 tornará obrigatório que todo carro produzido no Brasil venha equipado de fábrica com cinto de três pontos e apoios de cabeça nos assentos centrais. O Autos Segredos consultou a entidade que confirmou que não há qualquer indicação de necessidade de prorrogação para que a norma entre em vigor. Assim, 13 modelos produzidos por Citroën, Fiat, Nissan, Renault e Volkswagen terão que se adequar a resolução ou sairão de linha.

Novos projetos

Desde 2018, a Resolução CONTRAN nº 518/2015 já obrigava novos projetos a oferecerem cinto de três pontos e apoios de cabeça para todos os ocupantes. A partir de 2020, todos os modelos produzidos serão obrigados a ter os equipamentos de segurança.

Citroën C3 Origins
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Citroën

A Citroën terá que adequar o C3 e o Aircross para continuar ofertando os modelos em 2020. O C3 fica devendo os dois itens e o Aircross oferta somente o apoio de cabeça para o assento central. Em nota, a marca diz que ambos os modelo terão os equipamento a partir de janeiro de 2020.

Citroën Aircross Origins
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Fiat

Dos atuais modelos Fiat em produção, Doblò, Weekend, Grand Siena, Uno e Mobi ficam devendo um ou os dois equipamentos de segurança. “Todos os carros da gama Fiat serão atualizados para atender à nova legislação no próximo ano”, afirma Hugo Domingues, gerente-sênior de Marketing de Produto do Brand Fiat.

Doblò 2020
Foto | Fiat/Divulgação

Alguns modelos, como Doblò e Weekend tem vendas muito baixas, o que deve ser levado em conta na análise da marca para investir na mudança ou, talvez, retirar os modelos de linha.

Fiat Uno
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Na linha Fiat, o caso mais fácil de se resolver é o do Uno que já oferta os itens como equipamentos opcionais. Já o Grand Siena oferta o apoio de cabeça central, assim, considerando seus bons números de vendas, a marca deve considerar com mais carinho o desenvolvimento do cinto de três pontos para o banco central do sedã.

Fiat Mobi
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

O Mobi não oferta nenhum dos dois itens, mas é o único modelo que já está em testes de rodagem por conta dos equipamentos. Nossa reportagem avistou protótipos com cintos de três pontos e apoio de cabeça central.

Volkswagen Fox Connect
Foto | Volkswagen/Divulgação

Volkswagen

Os modelos Fox, Gol, Voyage e up! são os modelos da marca alemã que terão que se adequar à nova legislação. Questionamos a Volkswagen se seus modelos seriam adaptados à nova legislação. “A Volkswagen reitera o compromisso integral com a segurança, com a satisfação de seus clientes e com a legislação brasileira”, afirma a marca sem responder objetivamente.

Volkswagen up! Xtreme 2020
Foto | Volkswagen/Divulgação

Dos quatro modelos, o up! é o projeto mais moderno e na teoria é o modelo mais fácil de se adequar os equipamentos. Na prática, seus números de vendas são baixos e, talvez, o investimento não valha a pena.

Gol 1.6 automático
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Gol e Voyage ofertam apoio de cabeça central e ficam devendo o cinto de três pontos. Ambos têm bons números de vendas juntos eles já venderam 74.660 unidades nos primeiros oito meses de 2019. Assim, a dupla deverá ser atualizada para atender a legislação.

O Fox é o modelo com situação mais delicada na gama Volkswagen. Projeto mais antigo da marca em produção, o hatch emplacou 27.096 unidades no acumulado de 2019. Assim como Gol e Voyage, o Fox tem bons números de vendas. Pesa contra ele a idade avançada.

A Volkswagen não revelou se irá retirar algum carro de linha. Em nota, a marca diz que “No momento oportuno daremos mais detalhes sobre a estratégia para cada modelo”.

Porém, nossa reportagem apurou que a morte do Fox é certa, em 2020, se a Resolução CONTRAN nº 518/2015 não for adiada. A marca inclusive aumentou em cerca de 10% os pedidos de peças para o Fox para os meses restantes de 2019. Uma outra fonte também confirmou que os pedidos de peças para o veterano hatch vão somente até dezembro.

March
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Nissan

March e Versa ficam, pois são equipados com apoio de cabeça central e para atender a nova legislação terão que ofertar o cinto de três pontos central no banco traseiro. “A Nissan sempre está atendendo às legislações dos países nos quais atua. Assim, todos os modelos e versões terão os cintos de três pontos central a partir da fabricação de janeiro de 2020”, afirma o fabricante.

Kwid Outsider
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Renault

Na gama Renault, o atual Duster oferta o apoio de cabeça central e fica devendo o cinto de três pontos para o passageiro central do banco traseiro. Já é de conhecimento público que o SUV terá nova geração no próximo ano, assim a marca não fará investimentos para adequar o cinto à antiga geração. Deste modo, o atual modelo deixará de ser produzido no fim de dezembro. Como não há impedimento para vender unidades 2019/2020 sem os equipamentos, a marca deverá fazer estoque para manter as vendas até a chegada do novo Duster 2021.

Renault Duster 1.6 CVT
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

O Autos Segredos entrou em contato com o fabricante que respondeu apenas que sempre atende a legislação brasileira e que ofertará os equipamentos a partir da data estipulada pela resolução.

Projeto mais novo, o Kwid foi lançado em 2017, mas para continuar sendo vendido o subcompacto terá que se adequar à nova legislação.

O que cada um deve?

Citroën

  • Aircross – não tem apoio de cabeça central
  • C3 – não oferta nenhum dos itens

Fiat

  • Uno – oferta os itens como opcionais
  • Grand Siena – oferta apoio de cabeça central
  • Mobi – não tem nenhum dos itens
  • Weekend – não tem nenhum dos itens
  • Doblò – não tem nenhum dos itens

 

Renault

  • Duster – não oferta cinto de três pontos
  • Kwid – não oferta cinto de três pontos

Nissan

  • March – não oferta cinto de três pontos
  • Versa – não oferta cinto de três pontos

Volkswagen

  • Gol – não oferta cinto de três pontos
  • Fox – não oferta nenhum dos itens
  • Voyage – não oferta cinto de três pontos
  • up! – não oferta nenhum dos itens

Siga nossas redes sociais

  • Acompanhe o Autos Segredos no Instagram
  • Acompanhe o Marlos Ney Vidal no Instagram
  • Curta nossa fanpage no Facebook
  • Confira o canal do Autos Segredos no YouTube