Se antes eram estudos, agora, a picape derivada do Mobi começa a ganhar forma
Fiat Mobi Picape
Projeção | João Kleber Amaral/Especial para o Autos Segredos

A Fiat Mobi Picape começa a ganhar forma em Betim (MG). Em junho de 2017, nossa reportagem antecipou com exclusividade que a FCA estudava uma picape baseada no Mobi. Agora, o Projeto X1P foi aprovado e a marca começa os trabalhos para que o modelo ganhe vida. O fabricante já deu o sinal verde para vários fornecedores. E, a FCA parece ter pressa, a data apontada é para o fim desse ano. É provável que uma versão conceitual do Fiat Mobi Picape de as caras no Salão do Automóvel de São Paulo.  A chegada da Mobi Picape está prevista para ocorrer em 2019.

Base

O Projeto X1P será um modelo Frankenstein construído a partir da plataforma 327, afinal, o “Mobi nada mais é do que um Uno encurtado”, diz uma fonte. Na parte da frente, a Fiat Mobi Picape terá a base 327 e na parte de trás o modelo usará a base da Fiorino. As opções de cabine ainda não estão fechadas, mas, opções simples e estendida devem fazer parte do projeto.

Protótipos

Os protótipos da Fiat Mobi Picape devem iniciar os testes de rua nos próximos meses. Ainda não sabemos como será o visual final da picape. Mas, na dianteira já é certo que a Mobi Picape terá para-choques novos em relação ao subcompacto. O tamanho deve se aproximar do Fiorino.

Siga nossas redes sociais

Motores

A picape Mobi (Projeto X1P) será equipada com o motor 1.3 Firefly. O motor 1.3 rende 101 cv e 13,7 kgfm (gasolina) e 109 cv e 14,2 kgfm (etanol). Os câmbio serão o manual de cinco velocidades e o automatizado GSR também de cinco posições.

Porém, a opção 1.0 não está descartada. O motor 1.0 FireFly rende potência de 72 cv e torque de 10,4 kgfm (gasolina) e 77 cv e 10,9 kgfm (etanol). Afinal em 2003, a Strada chegou a ser equipada com motor 1.3 Fire de 67 cv de potência e torque de 11,1 kgfm.

Projeção | João Kleber Amaral/Especial para o Autos Segredos