Sempre achei um tanto ingrato por parte das fabricantes de automóveis não anunciar o fim de produção de um modelo. O que ele foi e o que ele é após anos de mercado é resultado do empenho de toda a empresa, e seria uma atitude nobre lembrar isso, mesmo em um singelo release, se sobrepondo ao interesse das revendas em despachar os estoques. Tudo bem que o  fim de linha de alguns carros merece comemoração, mas não é o caso da Kombi. Por isso a Volkswagen fez mais do que lançar – e duplicar a produção – da Kombi Last Edition, está publicando peças publicitárias que anunciam o fim de produção da “velha senhora” para o final deste ano.

Como a peça diz, é praticamente um deslançamento. A Kombi realmente merece. Merecia até mesmo um evento de deslançamento, com direito a um test-drive de despedida para a imprensa. Seria até mesmo uma forma de mostrar o quanto os automóveis evoluiram nos últimos 60 anos. Afinal, a Kombi é montada no Brasil desde 1953 e produzida pela própria Volkswagen por aqui desde 1957, ininterruptamente.

O mais legal é que até hoje o processo da Kombi é praticamente artesanal, como Rolls-Royces, por exemplo. Mas a única exclusividade é que não há concorrentes, não diretos. Talvez, não fosse pela obrigatoriedade de freios ABS e airbags dianteiros, a Kombi ficaria em linha por mais algumas décadas.

O nome Kombi é uma abreviação de Kombinationsfahrzeug, algo como “veículo para carga e passeio”, um projeto idealizada pelo holandês Ben Pon na década de 1940. Partindo do projeto do Fusca, chegou a um “pão de forma” com estrutura monobloco, um  traseiro confiável, com bom espaço e capacidade para meia tonelada de carga. Hoje seria impossível criar algo tão simples, prático e barato, e a legislação é o maior empecilho.

Desde setembro de 1957 até setembro de 2013 foram produzidas mais de 1.560.000 unidades do modelo na fábrica de São Bernardo do Campo, que ficam de legado quando a Kombi não estiver em mais nenhuma concessionária.

Enquanto isso, parte desta ação que homenageia a Kombi é um espaço no hotsite  no qual usuários e fãs da Kombi poderão contar histórias vividas com o veículo, enviando textos, fotos ou vídeos que uma vez publicadas farão parte do hotsite.

Fotos | Volkswagen/divulgação