Depois de publicar um relatório com os lançamentos do Salão de Genebra que serão comercializados no Brasil, chegou a hora de listar alguns veículos que não desembarcarão em solo nacional. Como a maioria das novidades ficará restrita ao consumidor Europeu, selecionamos apenas os modelos que poderiam chegar aqui mais facilmente, caso os grupos empresariais responsáveis, que operam no país, tomassem a iniciativa, ainda que por meio de importação.

Apesar de inacessíveis para o público local, os carros servem como parâmetro para avaliar a indústria automobilística e perceber as diferenças entre o mercado Sul-Americano e o mundial. Além, claro, de ar água na boca de quem, assim como nós, não pode comprá-los. Confira a seguir:

Alfa Romeo 4C Concept: representa o regresso da marca milanesa às suas origens, nas pistas de corrida. O 4C Concept é um esportivo compacto e leve. Pesa apenas 850 quilos, o que faz com que o motor 1.8 turbo de 200 cv consiga levá-lo a 250 km/h. A aceleração até 100 km/h é feita em menos de 5 segundos, outra marca de respeito. O câmbio é automatizado de dupla embreagem e a tração é traseira.  A carroceria acomoda apenas dois ocupantes, e o propulsor fica posicionado na seção posterior do entre-eixos. O projeto ainda está na fase de protótipo, mas a versão definitiva, prevista para 2012, será vendida em vários países, inclusive nos Estados Unidos. No Brasil, as operações da Alfa Romeo continuam suspensas por prazo indeterminado.

Fiat 500 Coupé Zagatto: feito com base no 500 convencional, o Coupé Zagatto dá um ar mais esportivo ao compacto. A inspiração veio de um modelo homônimo criado em 1952. Modificada, a carroceria ganhou teto inclinado em direção à traseira e passou a ser do tipo 2+2, com espaço posterior suficiente apenas para a acomodação de crianças. Embaixo do capô, está o novo TwinAir de dois cilindros e 0.9 litro, capaz de produzir 105 cv.

Opel Zafira Tourer Concept: o protótipo antecipa as linhas da futura geração da Zafira, que será apresentada em outubro no Salão de Frankfurt. O design está em sintonia com a atual identidade da marca, e prevê um interior espaçoso, com capacidade para sete ocupantes, como já acontece no modelo em produção atualmente. A Opel aderiu à filosofia do downsizing e equipou o monovolume com um motor 1.4 turbo, que dispõe do recurso start-stop.

Saab 9-5 SportCombi: derivada do sedã 9-5, a perua causou furor devido às linhas bem resolvidas. Será oferecida na Europa com motorizações à diesel e à gasolina, além de uma opção bi-combustível. A tração é integral, como convém a um veículo originário de um país nórdico. A marca sueca já confirmou o retorno ao Brasil ainda em 2011, mas não pretende oferecer a SportCombi por aqui.

Toyota Concept FT 86 II: fruto de uma parceria com a também japonesa Subaru, o modelo é a nova aposta da Toyota no segmento dos esportivos. Câmbio automático de seis velocidades e tração traseira são as únicas informações sobre a mecânica reveladas até agora. Contudo, sabe-se que o modelo terá performance vigorosa. Infelizmente, não há previsão de lançamento no Brasil.

Volkswagen Golf Cabriolet: a sexta geração de um dos automóveis mais bem sucedidos da Volkswagen ganha configuração conversível. O modelo recebeu a dianteira que o hatch exibe desde 2008 na Europa. A capota é confeccionada em tecido e tem acionamento elétrico. O consumidor poderá escolher entre vários motores, que vão de 105 cv a 207 cv. Até uma opção BlueMotion, com ênfase na economia de combustível, está prevista. A marca alemã mostrou também o Golf R, esportivo feito com base nas já conhecidas carrocerias de teto rígido. Nessa versão, as maiores mudanças são estéticas, e incluem cores e revestimentos internos exclusivos.

Fotos | UnitedPictures

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter