Scania lançou o serviço em 2017, oferta pacotes para gestão os clientes do transporte de cargas

A Scania comemora 20 mil veículos conectados divididos entre 18.800 caminhões e 1.200 ônibus. O programa lançado em 2017 tem como meta chegar a 28 mil modelos até o fim de 2019. Segundo a marca, os veículos comerciais conectados geram dados que são usados para melhorias nas operações de transporte dos clientes.

Serviços conectados Scania
Foto | Scania/Divulgação

Módulo

Os dados coletados são enviados pra um módulo instalado nos veículos desde maio de 2016. Para os proprietários de modelos a partir de 2012 também podem instalar o equipamento com custo extra.

Dois pacotes

Segundo a Scania, são dois pacotes o de Análise é gratuito por dez anos e emite relatórios semanais e mensais. Já o Desempenho tem custo e permite acompanhamento em tempo real do veículo e do motorista.

Nova geração Scania
Foto | Scania/Divulgação

Dos 1.900 caminhões vendidos da nova geração Scania, 1.100 já estão com o pacote Desempenho ativo.

“Estamos comemorando bastante esta marca de 20 mil veículos conectados no Brasil. Não se trata apenas de um número, mas do quanto estamos interferindo positivamente na redução de custos dos clientes, sejam pequenos, médios ou grandes clientes”, diz Fábio Souza, diretor de Serviços da Scania no Brasil. “O mais interessante é que são 7 mil veículos com o pacote Desempenho, que representam cerca de 35% dos 20 mil. Ou seja, o cliente está investindo porque enxerga um benefício. Ele vê na prática o quanto pode diminuir de custos com diesel, desgaste de pneus e lonas, manutenção e, desta forma, aumentar a vida últil da composição”, completa Souza. De acordo com o diretor, os 7 mil veículos com o pacote Desempenho colocam a Scania Brasil em quarto lugar no ranking mundial entre todos os mais de 100 países onde a fabricante atua.

Siga nossas redes sociais

  • Acompanhe o Autos Segredos no Instagram
  • Curta nossa fanpage no Facebook
  • Confira o canal do Autos Segredos no YouTube