A antiga Volkswagen SpaceFox já era uma perua interessante, mas, seu interior deixava a desejar. Agora com o modelo 2011 a perua ganhou as mesmas mudanças do irmão Fox e com isso novo interior bem mais requintado. A perua é uma boa proposta de modelo familiar. Confira abaixo o teste do modelo.

Daniel Ribeiro Filho (*)
Especial para o Autos Segredos

ACABAMENTO DA CARROCEIRA A pintura tem bom acabamento. O capô e a tampa traseira têm boa montagem. As quatro portas apresentaram montagem razoável. POSITIVO

VÃO DO MOTOR O acesso à manutenção em geral é bom e a sistematização dos vários componentes está benfeita. O reservatório de gasolina para partida a frio está em local de fácil acesso e manuseio. O resultado do isolamento acústico no painel de fogo é satisfatório. POSITIVO

ALTURA DO SOLO Não tem de série proteção por chapa em aço para o cárter e a caixa de marchas. Não houve interferências com o solo no percurso de prova. POSITIVO

FREIOS Apresentaram bom comportamento dinâmico no uso na cidade e na estrada, estando o ABS com calibragem satisfatória. As reações são balanceadas nos dois eixos e apresentou boa desaceleração. Em simulação de frenagem de emergência, em alta velocidade, sobre piso de asfalto seco e terra batida, o espaço percorrido até a imobilização foi coerente com a velocidade do veículo, além de não alterar a trajetória. O pedal de freio tem boa sensibilidade e não ocorreu superaquecimento após uso constante em longa descida. POSITIVO

CÂMBIO O sistema I-Motion evoluiu desde o seu lançamento com trocas um pouco mais rápidas, com menos tranco, menor queda de rotação e melhor reconhecimento nas trocas sucessivas em manobras de garagem, nas quais se usa 1ª e ré sequencialmente. Há ganho em dinâmica e dirigibilidade no uso em geral quando se usa constantemente a tecla S, instalada no console central. No quadro de instrumentos tem display informando a opção selecionada. As letras D, N, R e símbolos e -, quando selecionados e reconhecidos pelo programa, têm iluminação destacada na base da alavanca, no console central. Na prova de arrancada em subida acentuada, ao tirar o pé do freio e acelerar imediatamente houve um pequeno ganho no menor deslocamento para trás até o acoplamento da embreagem. Nas reduções automáticas ou solicitadas (por meio de toques na alavanca principal ou nas aletas incorporadas no volante), o gerenciamento eletrônico do câmbio tem função punta taco, que é muito útil. As relações de marchas/diferencial estão bem definidas para a massa do veículo e rendimento do motor e o sistema kick-down tem boa sensibilidade e atuou com precisão. POSITIVO

MOTOR A sua dinâmica acoplado a esse tipo de câmbio é satisfatória, com aceleração e retomadas de velocidade eficientes para a sua cilindrada e peso do veículo. O sistema total flex funcionou bem e pela manhã, com somente álcool no tanque, apresentou partida a frio instantânea, com uma marcha lenta linear, mesmo em situação de manobra de garagem com motor ainda frio, passando a uma boa progressividade na aceleração. O ganho no rendimento com álcool é muito pequeno em relação quanto uso de gasolina. A rumorosidade de funcionamento é razoável, mesmo quando com somente álcool. POSITIVO

VEDAÇÃO Boa contra água e poeira. POSITIVO

DIREÇÃO A posição de dirigir é muito boa devido à coluna de direção ter regulagem manual em altura e distância e o banco do condutor ter ajuste de altura. O volante tem boa pega e tamanho. O sistema é assistido com cargas muito bem definidas, apresentando uma ótima sensibilidade e reações diretas bem homogêneas. É muito preciso na reta e em curvas. O efeito retorno tem boa velocidade e o diâmetro de giro (10,4m) agrada em manobras de estacionamento. POSITIVO

LIMPADOR DO PARA-BRISA Os esguichos do para-brisa são do tipo spray em V que, quando acionados, ativam automaticamente as palhetas de boa qualidade, que varrem uma área razoável. No vidro traseiro, o sistema é também eficiente. O acesso ao reservatório de água no vão do motor é fácil. POSITIVO

ESTEPE/MACACO O estepe, com roda em aço e pneu igual aos de uso, está instalado dentro do porta-malas, no assoalho. Dentro dele está encaixado o kit de troca. A operação de troca é normal, mas é necessário retirar as tampas plásticas de acabamento da cabeça dos parafusos com ferramenta específica. POSITIVO

ALARME O sistema é completo, com chave de ignição codificada com controle remoto inserido na mesma. Tem proteção volumétrica no habitáculo e perimétrica das partes móveis. Ao dar comando para travar as portas, os vidros sobem automaticamente e o sistema antiesmagamento funcionou bem. POSITIVO

CLIMATIZAÇÃO O sistema é por comando manual. São quatro os difusores de ar no painel, que têm boa angulação e vazão, além de rumorosidade contida, mesmo na velocidade máxima. Apresentou bom funcionamento e o tempo gasto para dar a sensação de conforto em todo o habitáculo foi aceitável, mas não tem saídas específicas reguláveis para os passageiros de trás. Houve pequena admissão de gases/fumaça. A intensidade das luzes de indicação de ar-condicionado ligado e recírculo interno de ar ativado são muito fracas.  REGULAR

SUSPENSÃO É um automóvel muito rápido em curvas, com excelente estabilidade. É neutro e preciso, com mínima inclinação da carroceria. O conforto de marcha é razoável com somente o condutor, mas a perda é significativa quando o veículo está carregado e utilizando-se a pressão correta dos pneus para esta condição (30lbs dianteira e 40lbs traseira). REGULAR

ILUMINAÇÃO A iluminação do habitáculo (zona do teto) é composta por duas lanternas nas laterais traseiras para os passageiros de trás e uma lanterna com duplo spot fixo integrado na zona anterior. O novo farol tem construção com dupla parábola e apresentou boa eficiência no baixo e no alto e conta com auxiliares de neblina embutidos no para-choque, mas não tem regulagem elétrica de altura em função da carga transportada. Tem luz de cortesia no porta-malas, porta-luvas e para-sóis. REGULAR

NÍVEL DE RUÍDO O efeito aerodinâmico é evidente a partir de 100km/h. Os ruídos no habitáculo surgem ao trafegar sobre pisos irregulares. NEGATIVO

VOLUME DO PORTA-MALAS O declarado pela fábrica é de 430 litros, o mesmo encontrado com o banco traseiro na posição normal e a tampa do bagagito fechada.

(*) O autor do texto é engenheiro formado pela PUC Minas. Para contatos [email protected] (veja  o perfil profissional do Daniel)

Fotos Volkswagen/Divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter